A dupla importância de Correa no Ituano


15 de agosto de 2020 | Notícias

Correa em Osasco na estreia da Série C

O capitão Correa tem uma dezena de gols e uma dezena de assistências no Ituano.

Quando nesta segunda feira, o capitão Correa entrar no Luso Brasileiro para enfrentar o Volta Redonda, ele fará seu jogo 60 com a camisa do Ituano. No atual elenco, ele é o 5º com mais jogos. Não é este o fato a ser destacado deste experiente jogador de meio-campo. E sim sua participação efetiva nos gols do Ituano desde que retornou em 2018 ao clube que o revelou 20 anos atrás. Ele atingiu um duplo-duplo em pouco tempo. Explicando: Correa conseguiu uma dezena de gols e de assistências. Nos grandes clubes, somente craques referências conseguem atingir estes números. Nos clubes do interior é muito difícil. Tanto que desde 2010 quando se começou a anotar as assistências no Ituano, apenas um jogador atingiu o duplo-duplo. Claudinho marcou 15 gols e fez 13 assistências em 126 jogos durante 6 temporadas. Correa chegou a 10 gols e 12 assistências em 59 jogos durante dois anos e meio. O que qualifica ainda mais a importância do Correa no atual elenco. “São números legais. É legal o atleta saber, mas quando você está jogando, está fazendo gol ou uma assistência, você está ajudando o seu clube. Essa é a nossa intenção. Claro que eu fico feliz, são números que agregam, são situações positivas para o time e tenho sido decisivo nos últimos jogos. Vamos continuar assim, procurando aumentar e ajudando o Ituano” comentou Correa ao saber dos seus números. Sua dupla importância no Ituano passa pela sua liderança e qualidade técnica.

O Ituano voltará a enfrentar o Volta Redonda depois de 19 anos. Na série C 2001, o Ituano jogou a primeira no Raulino de Oliveira e perdeu por 1×0. No jogo da volta no Novelli venceu por 2×0. Se na época foram dois jogos equilibrados, as dificuldades agora serão maiores. O Volta Redonda foi 3º colocado no último Campeonato Carioca, chegando as semifinais da Taça Guanabara e da Copa Rio. “O Volta Redonda tem todo o nosso respeito. O fator negativo é não poder jogar lá no Raulino pois tem um bom gramado. É um bom estádio. Eu já joguei lá. Não tenho muita informação de como está o estádio na Ilha do Governador. Espero que o gramado esteja bom, pois gramado irregular é prejudicial para os dois times. O Volta Redonda fez um bom campeonato carioca e demonstra como a Série C é equilibrada. Jogamos agora com o Tombense que está na final do Mineiro, fazendo história. Estamos cientes das dificuldades que vamos encontrar no jogo. Estamos preparados para fazer um bom jogo nesta segunda”. O jogo da segunda feira vai fechar a 2ª rodada do grupo B da Série C. Será às 15hs30 no estádio Luso Brasileiro, na Ilha do Governador e terá transmissão pelo MyCujoo.

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.42 SP

Miguel Schincariol
Fotografia

15/agosto