Conheça os dois primeiros reforços do Ituano


12 de dezembro de 2019 | Notícias

O goleiro Edson que veio do Luverdense, e o atacante Luiz Paulo que veio do Itabaiana, foram os primeiros a se apresentarem para 2020.

Os dois primeiros reforços para a temporada 2020 chegaram com vontade de jogar no Campeonato Paulista. “Eu venho trabalhando para isso. Lutei bastante para isso. É a oportunidade da minha vida. Acho que todos os jogadores têm o sonho de jogar o Campeonato Paulista. A gente sabe que é um dos melhores campeonatos do Brasil. E graças a Deus estou tendo esta oportunidade. Ansiedade a mil. Estou muito motivado para estar jogando e entrando em campo e ajudar a equipe do Ituano. Esta oportunidade veio na hora certa e no momento certo. Então, o Luiz Paulo está preparado e trabalhando firme para que, na hora que começar o campeonato, iniciar com o pé direito” afirmou o atacante Luiz Paulo que disputou a Série D pelo Itabaiana. O goleiro Edson que disputou a Série C pelo Luverdense é outro estreante no principal Estadual do País. “O Ituano tem um calendário ótimo para o cenário brasileiro. Tem o Paulistão, onde todo jogador quer jogar. A gente sabe da responsabilidade de vestir a camisa do Ituano. As propostas chegam sim. Mas é uma coisa a se pensar, porque é o Ituano. Não é qualquer time. O jogador que vem para cá, tem que ver que o Ituano te dá a condição de trabalho, te dá a oportunidade de trabalhar. Então é uma opção ótima para a carreira” comentou o paraibano Edson.

Luiz Paulo tem 29 anos e nasceu em Recife. Fez a base no Sport Recife e depois jogou em vários clubes do Nordeste. Bom Jardim/PE, Petrolina/PE, CRB/AL, Campinense/PB, Botafogo/PB, CSE/AL, Salgueiro/PE e Fluminense de Feira/BA. Único clube que ele jogou fora do Nordeste foi o Boa Esporte/MG. Ele explica suas características de atacante de área. “O Luiz Paulo é um centroavante brigador. Um cara finalizador. Quem me acompanhou um pouco nos jogos contra o Ituano, consegue detalhar as minhas características. Sou um jogador que briga toda hora e não dou espaço para zagueiro. Sou um cara que estou toda hora na área finalizando. Esse é o Luiz Paulo, que vem com muita ansiedade e muita vontade. Espero que Deus possa estar sempre me abençoando por esta oportunidade aqui. E tenho certeza que com muito trabalho e dedicação, as coisas vão caminhando e vai dar tudo certo”. O goleiro Edson nasceu em Puxinanã, interior da Paraíba. Ele começou no Campinense. Jogou no Fluminense de Feira, Botafogo de João Pessoa e Ferroviário do Ceará. Neste ano jogou no Luverdense do Mato Grosso e aos 26 anos terá sua primeira oportunidade no futebol paulista. “O ambiente de trabalho é ótimo. A galera me abraçou bem, e eu abracei eles também. A gente vai criando um vínculo, que tem que se tornar uma família. Não adianta chegar aqui e ficar cada um para o seu lado. Temos que fechar como uma família. E o Ituano tem uma ótima estrutura. Já passei por alguns clubes e não vi uma estrutura como a do Ituano. E só tem a crescer. E não é à toa que vem crescendo no cenário brasileiro. Espero que com minha chegada aqui, eu possa crescer e ajudar o Ituano a crescer. E assim, um vai ajudando o outro”.

No elenco que já iniciou a preparação, o primeiro que retornou ao clube foi o atacante Luizinho. Ele veio da Portuguesa para a disputa da Série D. Jogou 13 das 14 rodadas. Marcou um gol e fez uma assistência. Gostou tanto do clube e da cidade que pediu para retornar. “Graças a Deus foi um noivado que se concluiu. A gente já vinha conversando no meio da Série D mesmo, porque eu queria muito ficar. Era o meu desejo. Acertei muitas coisas na Portuguesa devido à algumas questões que estavam erradas. Resolvi abrir mão para poder vir para cá” afirmou Luizinho que renovou seu contrato até o fim de 2022. No Ituano, Luizinho encontrou muitas coisas que não tem na Portuguesa. Isso pesou na escolha. “Creio que os dois. Devido a uma situação complicada na Portuguesa de salários atrasados. Mas não culpo. Porque realmente não tem renda. Realmente é muito difícil porque não tem calendário e com isso não gera renda. E também pela organização do Ituano. No caso, desde quando cheguei, me acolheram muito bem. Sempre fui muito bem tratado, não só pelos jogadores, mas pela comissão, diretoria e todo mundo. Foi aí que eu pensei que era aqui que quero ficar. Tinha outras propostas, mas decidi vir para cá” afirmou Luizinho que completa 24 anos em janeiro.

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.426 S.P.

Diogo Reis Fotografia 12/dezembro