Enfrentar o Corinthians é sempre muito difícil


12 de março de 2020 | Notícias

Meio campo Serrato jogou todas neste Paulista e contra o Corinthians completa 60 jogos pelo Ituano.

Jogar contra o Corinthians é sempre uma partida muito difícil. Tanto que dos 4 grandes de São Paulo, é o adversário que o Ituano menos venceu. Foram apenas duas vitórias em 28 jogos durante 35 anos de confronto. Faltando três rodadas, o jogo do próximo domingo em Itaquera será ainda mais complicado. “Pelo fato deles estarem pressionados, acho que é capaz de ser um jogo mais difícil. Porque eles têm que ganhar o jogo, até porque estão em último no grupo deles. Por isso, eles têm que ganhar de qualquer jeito. O lado bom é que vai ter bastante espaço para a gente jogar. Porque eles vão pressionar, vão tentar fazer o gol e com isso vai aparecer os espaços para a gente impor o nosso jogo” explicou o meio campo Serrato que no domingo completa 60 jogos pelo Ituano. “É uma segunda casa aqui para mim. Já é a minha terceira temporada. É um clube que eu gosto muito e me identifico bastante. Então fico muito feliz em atingir esta meta” afirmou Serrato que em 59 jogos, marcou 5 gols. No Paulista do ano passado marcou contra Santos e Palmeiras. Neste Paulista, jogou as 9 partidas e ainda não marcou gol.

Antes de marcar gol, jogando fora de casa, para evitar uma nova derrota, o primeiro objetivo é não sofrer gol. Com o zagueiro Sueliton, titular há 7 jogos, o Ituano passou três jogos com a defesa invicta. Foi no empate com o Novorizontino, e vitórias contra Ponte Preta e Santos. “Eu fico feliz pela parte construtiva que está acontecendo de não tomar gols. A gente sabe que está precisando fazer gol sim para conseguir a vitória. Principalmente dentro de casa. Se eu não me engano, são três jogos que perdemos pontos aqui. Mas a nossa parte defensiva está focada, melhorando e buscando sempre achar esse gol que a gente necessita. Mas sabendo que não é através de loucura que vamos achar. Esse crescente está sendo positiva, apesar dos resultados não estarem sendo positivos nesses últimos jogos. Mas a gente sabe que tem que melhorar e vai melhorar” analisou o zagueiro de 28 anos que já marcou um gol no campeonato. Foi no empate em 2×2 com o Botafogo.

O técnico Vinicius Bergantin procura separar as duas situações dos clubes que se enfrentam no domingo. “Qualquer situação influência. Na fase boa influência de uma maneira. Na fase ruim de outra. A pressão existe dos dois lados. Claro que a dimensão do Corinthians é incomparável com a nossa. Mas o Corinthians tem o seu campeonato e nós temos o nosso. A gente sabe o que é uma equipe de investimentos, de tradição e de retrospecto é maior. A gente tem que ter essa noção. Temos que saber disso e fazer o nosso melhor. Dentro das nossas possibilidades e das nossas estratégias. A gente tem que oferecer a maior resistência e buscar. Ter ambição, ter força e acreditar na força do grupo para que a gente consiga sair de lá com o resultado positivo” justificou Vinicius que como zagueiro marcou um dos gols na vitória por 2×1 contra o Corinthians no SuperPaulistão de 2002. O jogo está confirmado para domingo, as 16hs em Itaquera. Será a segunda vez que o Ituano jogará nesta Arena da Copa de 2014. A outra foi em 2016 e o Ituano perdeu por 1×0.

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.426 SP

Miguel Schincariol
Fotografia

12/março