Ituano empata em Maringa e já conhece seu adversário na 2a fase


17 de julho de 2016 | Notícias

Mesmo com 6 mudanças, o Ituano manteve a boa campanha e voltou de Maringá com um empate. Na próxima fase vai enfrentar o conhecido Linense.

O Ituano viajou para o norte do Paraná sabendo que era o primeiro colocado do grupo 17. Com dois atletas suspensos e três atletas com lesão, o técnico Tarcísio Pugliese fez algumas alterações em relação ao time que venceu o Metropolitano na última semana. Com exceção do goleiro Fabio, lateral Arnaldo, zagueiro Naylhor e o atacante Claudinho, foi praticamente o time que fez os dois jogos iniciais da Copa Paulista. O adversário que precisava da vitória para conseguir a classificação também veio com um time bastante modificado. Mesmo com o frio de 12 graus, o jogo agradou os torcedores pela disputa e movimentação. “O Maringá mudou muito do primeiro jogo contra a gente para este. Foi dificílimo. Entretanto, os atletas que iniciaram a partida, tanto dentro da partida como sua postura num jogo como esse, mais intenso, foram muito bem. Se fizermos uma análise individual e de qualidade técnica deles, será positivo. Era um jogo importante para eles como observação e para nós, para mantermos a boa campanha na competição. Para nós era importante vencer, mas para eles tinha uma importância de experiência numa competição nacional. Observando tudo isso, eu estou muito contente com o que o Ituano fez hoje. Fizemos um bom jogo. E conseguimos de novo, com um jogador a menos durante metade do segundo tempo, segurar o empate e voltarmos com um ponto” explicou Tarcísio Pugliese. O empate de 1×1 não classificou o Maringá e deixou o Ituano com a 6ª melhor campanha da 1ª fase.

O meia Bassani que começou a partida cobrou uma falta com muito perigo aos 10 minutos mostrando que o Ituano veio para buscar um bom resultado. O Maringá também buscava o gol e passou a exigir do goleiro Fábio. No primeiro tempo foram três defesas difíceis em chutes da entrada da área. Em outro lance, o atacante paranaense dentro da área levantou a bola e tentou a bicicleta. Jogando em velocidade, o Ituano surpreendeu. Morato recebeu a bola pela esquerda e percebeu a movimentação do Claudinho entrando em diagonal e foi preciso no passe. Claudinho esperou a saída do goleiro Jeferson e tocou no canto para abrir o placar aos 28 minutos. Com a vitória do Caxias parcial na outra partida em Blumenau, o Maringá partiu para o ataque na segunda etapa. E conseguiu o pênalti aos 13 numa falta do lateral Arnaldo na entrada da área. Ele já tinha o cartão amarelo e recebeu o segundo e a expulsão. Roni Dias cobrou para fora desperdiçando a chance de empatar. Tarcísio recompôs o sistema defensivo colocando o jovem Fellipe para estrear no profissional. O empate veio aos 20 minutos após boa jogada pela esquerda do Ituano e o oportunismo do atacante Vinicius que aproveitou o cruzamento. Aos poucos a força do Maringá foi diminuindo e o Ituano quase fez o gol da vitória. Primeiro numa falta cobrada pelo João Paulo e a outra num contragolpe de Rodrigo Celeste. Ele recebeu na esquerda e a bola adiantou um pouco facilitando a defesa do Jeferson. O resultado de empate foi justo.

Para a 2ª fase sobraram 32 times que a partir de agora disputam a competição no sistema play off (mata mata). Como primeiro colocado no grupo 17, o Ituano fará a primeira partida fora no próximo final de semana e decidirá em casa. Com a 6ª melhor campanha da competição com os 13 pontos conquistados, o Ituano também deverá ter esta vantagem na outra fase. Antes terá que enfrentar o conhecido Linense. Os dois decidiram nos pênaltis a Copa Paulista no ano passado após dois empates. Não enfrentar Inter de Lages ou São Paulo de Rio Grande muda a perspectiva da partida. “Muda sim. Nós já conhecemos o Linense e eles conhecem nossa equipe. É um adversário que nós temos jogado com certa frequência. Não tenho dúvida que serão dois jogos bem equilibrados. Agora é nos preparar para estes dois jogos e buscarmos a classificação para a próxima fase” lembrou Tarcísio Pugliese. A estatística confirma esta afirmação do técnico. São apenas 10 jogos entre Ituano e Linense com 7 empates. Nos últimos 4 jogos, foram 4 empates. A CBF deve confirmar nesta segunda as datas dos dois jogos.

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.426 SP

17/julho