Ituano enfrenta o Maringa na estreia da Série D


12 de junho de 2016 | Notícias

No atual elenco, 4 atletas enfrentaram o Maringá em 2014 na vitoria por 1×0 no Novelli.

Começa neste domingo no estádio Novelli Júnior a caminhada do Ituano rumo a Série C. Com 21 atletas que disputaram o último Paulista e 7 reforços, o Ituano estreia na Série D contra o Maringa as 16hs30 com transmissão da TV Brasil. O Ituano está no grupo 17 ao lado do Maringa, Metropolitano de Blumenau e Caxias de Caxias do Sul. Esta é a 15a participação do Ituano em Campeonatos Brasileiros desde sua estreia na Série C em 1993. Na época não existia a Série D. Ao longo destes ano, disputou 8 vezes a Série C, 4 a Série B entre 2004 e 2007. No ano da conquista do título Paulista em 2014 voltou disputou a Série D. Na 1a fase enfrentou o Maringa e venceu os dois jogos. No Novelli vitoria por 1×0, gol de Cristian em cobrança de falta. Jogaram esta partida o goleiro Diego, zagueiro Leo, atacantes Claudinho e Marcão que seguem no atual elenco. “O Paulistão é mais técnico. A Série D é mais garra e o jogo é mais truncado. Mas estamos com o time bem preparado. Mantemos a base do Paulistão e se Deus quiser vamos conseguir esse acesso e quem sabe buscar esse título” analisou Claudinho que chegou ao clube para o título do Paulista de 2014. Neste domingo ele completa 60 jogos pelo Ituano.

A diretoria e comissão técnica mantiveram a base que disputou o último Paulista. Isso é um ponto destacado pelo técnico Tarcísio Pugliese para que o clube atinja o objetivo neste ano. O próprio Tarcísio chegou ao Ituano após a 1a rodada da Série D em 2014. Daquele elenco campeão Paulista, 12 atletas deixaram o clube. Do time titular, apenas Cristian permaneceu naquele ano para o Brasileiro. Situação diferente deste ano. “Muda bastante. É diferente você chegar durante uma competição com uma equipe que não foi montada por mim. Uma equipe que não foi trabalhada por mim. E ter a participação de todo o processo de montagem, permanência ou não de alguns atletas, de contratação e de treinamento, para poder colocar o modelo de jogo que a gente quer. Estou bastante animado e bastante confiante. Sei que é um campeonato fortíssimo, com muitas equipes e com percentual baixo de acesso em relação ao número de equipes que participam. Mas bastante confiante que a gente vai lutar pelo objetivo” explicou Tarcísio que vai completar no próximo mês dois anos de Ituano.

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.426 SP

11/junho