Ituano estreou com empate amargo em Santo André


4 de fevereiro de 2017 | Notícias

Ronaldo marcou o primeiro gol do Ituano no Paulista 2017. Mas o time cedeu o empate no final do jogo.

Mesmo enfrentando um adversário tradicional como o Santo André fora de casa e que está voltando a Série A1, o Ituano retornou ao ABC com o objetivo de começar com vitória. Jogou melhor em boa parte da partida e marcou primeiro com o atacante Ronaldo. Faltando seis minutos cedeu o empate. “Trabalhamos desde o dia 5 em busca de começar bem. estou feliz pelo gol, mas infelizmente o nosso objetivo principal que era a vitória não alcançamos. Levamos um ponto de Santo André. O Campeonato Paulista é muito difícil e esse ponto lá na frente poderá nos ajudar” lembrou Ronaldo. Morato que também fez boa partida teve duas boas chances de marcar saiu triste. “É difícil. Sensação de frustação. Estávamos na frente do placar. Nós tínhamos a vitória nas mãos e deixamos escapar” afirmou Morato. O empate conquistado fora foi pouco para as pretensões do Ituano. “Ficou um gosto ruim, amargo, porque fizemos um jogo bom e tínhamos condições de vencer. Depois que marcamos o gol, abrimos mão de atacar o adversário o que é um absurdo. Tínhamos um grande controle e uma organização ofensiva bastante positiva. Poderíamos ter feito outro gol. Era só continuar com o mesmo ímpeto, com a mesma coragem que tenho certeza que faríamos outro gol e teríamos saído daqui com uma vitória” afirmou Tarcísio Pugliese. O Ituano continua sem vencer em estreias no Paulista Série A1. Foi o quarto empate em 10 estreias.

Com apenas uma novidade na escalação, o zagueiro Lima fez seu primeiro jogo, o Ituano começou propondo o jogo. De cabeça, Ronaldo fez a primeira finalização. Mesmo recebendo um forte marcação, quando a bola chegava, eram Ronaldo e Morato que proporcionava os lances de perigo. Numa cobrança de falta pela direita, Morato chutou forte e rasteiro. A bola foi na trave. No rebote, após o cruzamento, Ronaldo cabeceou para fora. O Santo André pouco atacava. Na melhor chance, Fábio fez boa defesa. O gol só saiu na segunda etapa. Arnaldo fez o cruzamento e a defesa não conseguiu tirar. Guilherme tentou pegar de primeira e a bola sobrou para Ronaldo na pequena área. “Tem que ter frieza naquele momento que você fica cara a cara com o goleiro. O centroavante tem que ser frio. Levo isso comigo desde pequeno. Consegui manter a calma e fazer o gol” contou Ronaldo que marcou seu 10º gol com a camisa do Galo de Itu. As chances de ampliar o placar apareceram. Morato finalizou forte e o goleiro Zé Carlos pôs para escanteio. Em outro lance trabalhado pelo meio entre Guilherme e Marcelinho, a bola foi tocada para Ronaldo que chutou por cima. Marcelinho cobrou falta direto e Zé Carlos fez a defesa. “Mesmo diminuindo nosso ímpeto ofensivo, ainda sim criamos chances e poderíamos ter ampliado o placar. Mesmo depois do empate ainda tivemos uma boa chance de fazer o segundo gol. Infelizmente não conseguimos fazer o gol da vitória” lembrou Tarcísio.

O gol de empate do Santo André saiu aos 39 minutos. Cicinho desceu pela direita e fez o cruzamento e o alto Deivid subiu para cabecear no chão. Mesmo com este castigo no final o Ituano teve chance da vitória. Aos 42 minutos, Morato recebe de Marcelinho e finaliza forte de canhota. A bola passou rente a trave e bateu na rede pelo lado de fora. Teve torcedor que gritou gol. “Como diz o Fábio, é questão de sorte. Faltou sorte para mim neste lance final. Tinha muita confiança. Nem escolhi o canto. Mirei perto do goleiro e chutei forte. Infelizmente a bola não entrou” disse Morato. Ao apito final do árbitro, o Santo André comemorou o empate e o Ituano lamentou. Mesmo sem voltar para Itu com os três pontos, Tarcísio Pugliese observou pontos positivos. “Gostei muito do nosso jogo. Da organização defensiva e ofensiva. Da entrega e dedicação dos atletas. Fizemos um grande jogo, mas quando se faz um jogo desses, você tem que garantir a vitória” finalizou Tarcísio. Próximo compromisso será no outro domingo no Novelli Júnior contra o Palmeiras. Os ingressos já estão a venda.

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.426 SP

Miguel Schincariol
Fotografia

4/fevereiro