Ituano sub 20 goleou o Santos no Rei Pelé


14 de outubro de 2019 | Notícias

Ao vencer o Santos, a base do Ituano já derrotou todos os 4 grandes de São Paulo.

O Ituano enfrentou 4 horas de viagem até Santos no sábado, por causa do feriado e longos congestionamentos na serra. Jogou no gramado sintético e sob um calor de 34 graus. Todos estes inconvenientes não foram suficientes para impedir a melhor atuação do sub 20 neste Campeonato Paulista. Goleou o Santos por 5×0. Para o técnico Zé Sergio foi o melhor jogo sob o seu comando em dois anos. “Foi principalmente em função do adversário e da camisa pesada do Santos. Sendo jogo fora de Itu e pelo comportamento deles no jogo. Por exemplo, no primeiro jogo contra o Santos o time estava lento. Agora com a entrada de Gabriel Barros e Brinquedo na frente, ficou um time rápido e forte na marcação. Quando o time tem uma marcação boa e que seja rápido na frente, fica mais fácil você conseguir o resultado” comentou Zé Sergio que na 1ª Fase já havia vencido o São Paulo por 2×0. Desde a volta da base do Ituano, só faltava o Ituano vencer o Santos. O Sub 17 venceu o Corinthians neste ano e o Palmeiras em 2017. Agora são 6 vitórias contra os 4 grandes de São Paulo.      

O Ituano abriu o placar com o capitão Geovane. Recebeu na meia, ajeitou e bateu de esquerda, de fora da área. O segundo gol saiu da cobrança de escanteio de Canhota. O zagueiro Otílio só desviou de cabeça. O 3×0 saiu de um passe preciso de Gabriel Barros no meio da defesa santista. Canhota recebeu e com um toquinho desviou para o gol. Os outros dois gols saíram no segundo tempo. O 4×0 saiu de uma saída rápida. Gabriel Barros recebeu na esquerda, partiu em velocidade e na saída do goleiro, bateu no canto. Zé Sergio colocou João Lucas e João Paulo na parte final do jogo. No primeiro lance da dupla saiu o quinto gol. Contragolpe com os dois que tabelaram. João Paulo recebeu dentro da área e na saída do goleiro deixou João Lucas na cara do gol para fazer 5×0. O sexto gol só não saiu porque João Paulo cobrou pênalti, mas desta vez o goleiro do Santos fez a defesa. Ao término do jogo, os torcedores santistas aplaudiram a atuação do Ituano. Vitória inconteste. “Nossa defesa estava muito boa. Tanto que as finalizações deles foram todas de fora da área. E ainda tivemos uma boa partida do João Victor no gol. Tivemos um bom volume de jogo. Fizemos o gol e continuamos jogando com alegria e para frente. O time está muito bem fisicamente. Lembrando que jogamos num sintético as 15 horas com um calor danado. Levamos um longo tempo de viagem e nem almoçamos direito. Mas jogamos com alegria e demonstramos seriedade. Isso é muito importante” lembrou Zé Sergio.

Na próxima fase o Ituano vai enfrentar o Red Bull, adversário que enfrentou na 2ª Fase. Perdeu em Jarinu e empatou no Tatizão. O primeiro jogo das 4as de final será no Novelli Júnior e a volta em Jarinu. Como sempre acontece neste confronto, os jogos serão equilibrados. O técnico Zé Sergio vai manter a postura do seu time. “Estamos conseguindo nossos objetivos jogando nosso futebol. Estamos jogando quase sempre com a mesma formação. Hoje não jogou o Bernardo e o Otílio foi bem. Vamos jogar igual. O fato de ganharmos de 5 do Santos mostra como foi o jogo. Jogamos bola. Não menosprezando ninguém. Isso merece respeito. Os adversários vão respeitar. No sentido de que vão encontrar um time que joga. Não vamos ficar atrás. Dificuldades vamos ter. Como em todos os jogos nesta fase mais aguda da competição. Não tem que ter empolgação”.  Esta é a segunda vez que o Ituano chega as 4as de final no Paulista sub 20. A outra vez foi em 2014. Por coincidência, também enfrentou o Red Bull.

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.426 SP

Diogo Reis
Fotografo

13/outubro