Ituano vence o Primavera no Sub 15 e Sub 17 e se mantém na zona de classificação


9 de junho de 2018 | Notícias

Gabriel Martinelli abriu o placar ao cobrar o pênalti que ele mesmo sofreu. Ele também fez o segundo gol da vitória do Sub 17.

Na manhã deste sábado, o Ituano jogou no Tatizão contra o rival Primavera de Indaiatuba e conquistou duas vitórias. No sub 15 do técnico Guilherme Bellangero goleou por 5×0. Este é o maior placar da categoria neste ano. Antes havia conquistado duas vitórias por 4×0. Com a vitória, o Ituano se mantém na 3a posição e encosta no Desportivo Brasil. O destaque foi Kauan Carioca que marcou três gols. Ele é o artilheiro do time com 11 gols. “Estes números positivos são ótimos, mas estou sempre conversando com eles. Alertando para os perigos do excesso de confiança. São jovens ainda. Pela primeira vez disputam uma competição e vivem uma situação como essa. Por outro lado, a vitória foi muito boa. Merecido até mesmo este placar maior” comentou o técnico Guilherme Bellangero.  No sub 17 a vitória foi mais difícil. Saiu na frente logo no início com um pênalti cobrado pelo Gabriel Martinelli que ele mesmo sofreu. Com dificuldade para jogar por causa da marcação dura do Primavera, o Ituano só chegou ao segundo gol no segundo tempo. Novamente com Martinelli que chegou a 12 gols e é o artilheiro do time na competição. A vantagem de dois gols que poderia dar tranquilidade durou pouco tempo. O clube de Indaiatuba chegou ao seu gol em jogada ensaiada. A reação parou por aí. O Ituano Sub 17 do técnico Zé Sérgio chegou a segunda colocação no grupo pelo saldo de gols. Passou a frente do Desportivo Brasil que perdeu na rodada para o líder São Paulo. “A vitória foi muito importante porque era um confronto direto. Mas, não jogamos bem. Poderíamos ter vencido com mais tranquilidade. Não é uma questão tática ou técnica, mas sim de prestar atenção no jogo. Ainda tenho coisas para acertar no time” reclamou o técnico Zé Sérgio. Na próxima semana, o Ituano enfrenta justamente o Desportivo Brasil em Porto Feliz. O jogo poderá determinar a classificação do vencedor. Se não matematicamente, poderá deixar o vitorioso numa posição bastante confortável.

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.426 SP

9/junho