ITUANO VENCEU O RIO CLARO NO NOVELLI


24 de março de 2016 | Notícias

O Ituano fez a lição de casa ao vencer o Rio Claro diante de 2.824 torcedores apesar da forte chuva que caiu no início da partida. Com boa drenagem, a quantidade de água não prejudicou a qualidade do jogo.

O Ituano fez a lição de casa ao vencer o Rio Claro diante de 2.824 torcedores apesar da forte chuva que caiu no início da partida. Com boa drenagem, a quantidade de água não prejudicou a qualidade do jogo. Mesmo assim o Ituano teve trabalho para buscar a vitória diante de uma equipe que não realiza uma boa campanha. “Ficou difícil primeiro porque o Rio Claro está ameaçado pelo rebaixamento. Segundo porque, tanto no início quanto no intervalo, a gente conversou para usar mais as laterais do campo, já que eles estavam com três volantes e ficou difícil jogar por dentro. Quando eles tiveram um jogador expulso, acabaram fazendo duas linhas de quatro e nós continuamos forçando o jogo pelas laterais. Mas aí o jogo pedia um pouquinho mais de usar o meio do adversário. A gente não conseguiu fazer bem essa leitura e continuando forçando pelas laterais. Não conseguimos ter o controle do jogo que nós poderiamos ter tido com um jogador a mais” explicou Tarcísio Pugliese. O Rio Claro saiu na frente e foi Simião que iniciou a reação marcar um golaço empatando a partida ainda no primeiro tempo. “Conseguimos trabalhar bem, fazer a lição de casa e sair com o resultado positivo que nos coloca numa situação boa. Mas nada foi definido porque a competição é muito equilibrada. Então temos que continuar com a atenção redobrada para conseguirmos conquistar os resultados positivos” disse Simião. Com a vitória o Ituano assume a liderança do grupo B com 18 pontos.

Querendo a vitória, o Ituano começou buscando o gol. Aos 2 minutos, Marcão vai para a ponta e cruza com perigo. Aos 3 Marcelinho deixa Edinho cara a cara com o goleiro e dá um toque sutil. A bola passa perto. Aos 12, Marcelinho experimenta de fora da área e Lucas faz a defesa colocando para escanteio. No primeiro ataque do Rio Claro saiu o gol. Após escanteio cobrado na esquerda, bobeira geral na defesa e Mauricio recebe sozinho dentro da área e chuta forte para abrir o placar. O gol não mudou o comportamento do Ituano. Em boa jogada aos 21 conseguiu o empate. Guilherme toca para Marcelinho na direita que cruza buscando Marcão dentro da área. A defesa tira e Edinho só ajeita para trás. Simião pega de primeira, de fora da área de pé esquerdo para fazer um bonito gol. “A gente treina bastante esta jogada. O professor Vinícius e o professor Tarcísio pedem muito isso para que eu finalize de fora da área. Treino exaustivamente isso com o professor Vinicius. Pós-treino ele fica ali me ajudando, tanto cruzando as bolas na área para eu finalizar, quanto para eu chutar de fora da área. Antes do jogo começar, no aquecimento eu chuto algumas bolas ali. Hoje eu fui feliz na finalização como eu fui feliz contra a Ferroviária e pude ajudar a equipe” explicou Simião que marcou o segundo gol neste Paulistão em chutes de fora da área.

Antes do intervalo quase Marcão virou a partida. Ele recebeu passe preciso de Marcelinho e bateu cruzado, rasteiro. A bola passou perto. No início do segundo tempo veio a virada. Marcelinho cobrou falta para a área e a zaga tirou a bola. Simião pegou o rebote e devolveu a bola para a área. O zagueiro com os braços abertos desviou a trajetória da bola. A assistente Tatiane dos Santos levantou a bandeirinha e marcou a infração que foi confirmada pelo árbitro Ilbert Estevan da Silva. Os jogadores do Rio Claro reclamaram muito. O zagueiro João Grabriel teria xingado a Tatiane e foi expulso. Depois de 4 minutos de paralização, Marcelinho cobrou e fez o seu 5º gol neste Paulistão. Nos 40 minutos restantes da partida o jogo ficou aberto. O Ituano buscava o 3º gol tranquilizador e o Rio Claro se lançou ao ataque em busca do empate salvador. Mas não saiu mais nenhum gol e o Ituano conquistou sua 5ª vitória na competição. “Era fundamental a gente vencer hoje. Um jogo difícil. O Rio Claro vem atravessando um momento complicado. É um time que está brigando para sair do rebaixamento. Então a gente sabia que seria um jogo muito difícil como foi. Mas o importante foi a gente ter vencido” afirmou o técnico Tarcísio.

ITUANO – Fábio; Pacheco, Naylhor, Leo e Peri; Jonatan Lima, Simião (Igor aos 60) e Guilherme (Rubinho aos 68); Edinho, Marcão e Marcelinho (Claudinho aos 83). DT: Tarcísio Pugliese

GOLS; 0x1 Mauricio 15, 1×1 Simião aos 21 do 1º; 2×1 Marcelinho (pênalti) aos 5 do 2º.
ÁRBITRO: Ilbert Estevan da Silva
PÚBLICO: 2.824  –  Renda: R$ 23.930,00

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.426 SP

Miguel Schincariol
Fotografia

24/março