Ituano volta com empate de Brasília


26 de maio de 2019 | Notícias

Pegorari fez três boas defesas e garantiu o 0x0 contra o Brasiliense.

Ituano e Brasiliense voltaram a fazer um jogo equilibrado e empataram novamente pelo Brasileiro Série D. Desta vez o jogo ficou no 0x0 e com uma característica diferente. “O jogo foi bastante equilibrado e o Brasiliense nos colocou bastante dificuldade na partida. Jogo foi de um perfil diferente do que foi no Novelli. Nós não propomos menos o jogo e eles tiveram bastante volume. Nós tivemos algumas chances de contra ataque e em alguns chutes de fora da área. Nós soubemos nos defender e também defender a liderança do grupo. Agora é ter sabedoria para concretizar a classificação no próximo jogo” explicou o técnico Vinicius Bergantin. O Ituano chegou a 8 pontos junto com o Brasiliense. Segue na liderança porque tem saldo positivo de 5 gols enquanto o time da capital federal tem saldo de 2 gols. URT e Serra que empataram novamente sem gols, estão com dois pontos.

O técnico Vinicius Bergantin mandou a campo uma formação diferente dos últimos jogos. Promoveu a reestreia de Pacheco na lateral, o retorno de Serrato e a entrada no meio de Marquinhos no lugar de Bassani. O primeiro tempo teve pouca criatividade e jogada ofensivas. O Ituano finalizou com perigo através de Gui Mendes que recebeu no meio, ajeitou e bateu forte para o gol. O Brasiliense respondeu com uma finalização certeira e Pegorari apareceu bem colocando para escanteio. No segundo tempo o jogo melhorou. Correa cobrou a falta com curva assustando o goleiro Sucuri que fez a defesa. O Brasiliense respondeu com uma cabeçada de Romarinho. Na sequencia, após um escanteio cobrado da direita, Romarinho tentou o cabeceio e tocou com a mão a bola para dentro do gol. O árbitro deu o gol e o Pegorari e foi incisivo com o árbitro dizendo que o gol foi marcado com a mão. O assistente foi consultado e confirmou o toque de mão e o gol foi invalidado para desespero do capitão Lúcio do Brasiliense.

O goleiro Pegorari seguiu sendo o destaque da partida. O Brasiliense aumentou a pressão e em duas oportunidades chegou com perigo ao gol do Ituano. Numa cobrança de falta e num rebote quase na pequena área que Edno pegou de primeira. Nos dois lances Pegorari evitou o gol colocando a bola para escanteio, evitando o gol do Brasiliense. “Fico muito feliz em ter ajudado a equipe a manter o zero no placar. Isso é fruto de um trabalho diário. Viemos com uma proposta para Brasília de não perder e segurar o ataque deles. O objetivo foi alcançado. Agora é trabalhar durante a semana para contra o Serra cravar a classificação para a próxima fase da Série D” afirmou Pegorari. Na penúltima rodada desta fase, o Ituano recebe o Serra no próximo sábado, as 16 horas, no Novelli Júnior.

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.426 SP

26/maio

em