Ituano volta com o empate de Mirassol


14 de março de 2017 | Notícias

Simião marca gol contra o Mirassol

Simião abriu o placar no empate por 1 a 1 com o Mirassol fora de casa. A partida marcou a estreia de Roque Júnior no comando do time.

O empate com gol em Mirassol não foi o resultado que o estreante técnico Roque Júnior queria e que todos buscavam. O bom primeiro tempo realizado com o retorno do Marcelinho, o gol marcado pelo Simião em jogada bem trabalhada pela direita e o ponto conquistado fora de casa são sinais de recuperação do Ituano depois de 4 jogos sem marcar gol e com três derrotas nas últimas rodadas. “Certamente saio satisfeito com o desempenho da equipe. Não com o resultado de empate, principalmente sofrendo gol de bola parada. Os atletas entenderam o que treinamos e mostramos a eles. Cumpriram parte do que conversamos. Foram só 4 treinos e conseguiram realizar no jogo muita coisa que nós preparamos” comentou o técnico Roque Júnior. O volante Simião que marcou seu 9º gol em 41 jogos no Ituano comemorou. “Fazia muito tempo que não marcávamos gol. Apesar de não ser minha função, já que tenho que marcar e ajudar os companheiros no meio campo. Felizmente consegui aparecer no ataque e tive a chance de finalizar bem e poder comemorar este gol” afirmou Simião. Com o ponto conquistado o Ituano iguala ao São Bernardo com 9 pontos e está a dois pontos do Botafogo, segundo colocado no grupo.

Os primeiros 45 minutos foram bem movimentados com quatro boas chances de gol para cada lado. A primeira chance real foi aos 13 minutos com Claudinho que recebeu na direita e bateu forte para defesa de Vagner. O Mirassol devolveu com boa finalização de Wellington Júnior que Fábio fez a defesa. Aos 20, o zagueiro do Mirassol atrasou devagar e Nena chegou na bola junto com Vágner que evitou o gol. Tony pela direita levantou no primeiro pau e Raphael Lucas desviou de cabeça. A bola passou perto do gol. Era um ataque de cada time. Aos 33, Arnaldo desceu pela direita e achou Simião que fez o gol. “Eu fiz a leitura da jogada. Ele vinha em alta velocidade e não teria força para erguer a bola, mas sim para mandar rasteira no meio da área. Preferi parar um pouco porque também já tinha o Nena, Claudinho e Marcelinho entrando na área. Era melhor eu me posicionar para um possível rebote. Foi o que fiz. O Arnaldo foi feliz demais e me achou atrás da zaga. Pude tirar o zagueiro com o domínio e finalizar melhor ainda” explicou Simião. Quase o Ituano chegou ao segundo gol em outra jogada de Simião. Desta vez foi ele que cruzou da esquerda para trás e Guly pegou forte, rasteira. A bola passou perto. Antes do intervalo o Mirassol chegou ao empate. Tony cruzou no segundo pau, Fábio não conseguiu cortar e Wallace completou de cabeça. No segundo tempo o jogo caiu. Mesmo com as alterações entradas de Bassani, Lucas Crispin e Walfrido, o Ituano não conseguiu chegar ao gol. “Depois do intervalo, eles voltaram mais tranquilos. Nós marcamos bem, mas não conseguíamos sair jogando. Assim tivemos dificuldades na criação para a bola chegar à frente” justificou Roque Júnior. Na próxima rodada o Ituano volta a jogar fora de casa. Enfrenta o São Paulo de Rogério Ceni no Morumbi. Será o confronto de pentacampeões mundiais no sábado.

ITUANO
Fábio; Arnaldo, Lima, Naylhor e Peri; Guly, Simião, Igor(Walfrido aos 88) e Marcelinho(Lucas Crispin aos 80); Claudinho e Nena (Bassani aos 60). DT: Roque Júnior.

Gols: 0x1 Simião aos 33, 1×1 Wallace aos 43 do 1º
Árbitro: Raphael Claus
Público: 6.447  –  Público: R$ 47.280,00

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.426 SP 

Miguel Schincariol
Fotografia 

14março