Morato voltou a marcar gol pelo Ituano


1 de fevereiro de 2019 | Notícias

Apesar da alegria de Morato ao marcar gol, Ituano voltou com derrota diante da Ferroviária.

O jogo que fechou a 4a rodada do Campeonato Paulista entre Ituano e Ferroviária em Araraquara poderia determinar um novo líder do grupo. Quem vencesse poderia assumir a liderança do seu grupo. As duas equipes tinham uma campanha igual com 4 pontos em 3 jogos. No ano passado o equilíbrio entre os dois determinou dois empates. Um na Fonte Luminosa na Fase de Classificação em 1×1, e outro em 2×2 no Torneio do Interior no Novelli Júnior. E o jogo desta quinta foi equilibrado. Momentos com melhores ações do Ituano, e outros momentos com as melhores jogadas da Ferroviária. No final, o time de Araraquara aproveitou melhor suas oportunidades e venceu por 2×1. Após 4 rodadas o Ituano precisa melhorar. “Deve melhorar. Se você for analisar o campeonato, embora tenha clube com poucos pontos, mas 4 pontos em 4 jogos, não é pontuação quem briga por algo melhor. Essa é a realidade. Um terço do campeonato já foi e agora temos um jogo dificílimo contra o Santos. Importante é pontuar. Não importa se dentro ou fora de casa. Mesmo sendo contra o Santos, que tem 100% de aproveitamento” lembrou Morato que marcou seu primeiro gol no retorno ao Ituano. O próximo compromisso será domingo contra o Santos no Novelli Júnior.

O jogo começou realmente igual com as duas equipes buscando o ataque. Pegorari defendeu um chute de Paulinho da Ferroviária. Bassani teve a chance e finalizou para fora. No início o Ituano ainda teve outras duas oportunidades com Alemão e Martinelli, mas não foram felizes. Até que aos 39 minutos aconteceu o lance que mudou o resultado. Felipe Mateus empurrou o lateral Jonas e caiu na área. O árbitro entendeu como pênalti e marcou. O meia Tony, ex-Ituano, cobrou com calma e abriu o placar. No segundo tempo, o Ituano voltou buscando o empate. Bassani novamente finalizou para fora. Para mudar a sorte ofensiva, Vinicius Bergantin colocou Morato no lugar de Claudinho. Só que a Ferroviária chegou ao segundo gol. Julinho desceu em velocidade pela esquerda e cruzou para Higor Meritão surpreender a defesa do Ituano e fazer 2×0. Com a entrada de Guilherme aos 30 minutos, o Ituano partiu para pressão. O próprio Guilherme quase marcou de cabeça após cruzamento de Jonas. Alemão que já havia finalizado uma bola para fora, fez boa jogada e deixou Serrato em condições de finalizar. Ele encheu o pé e acertou a trave. No rebote o goleiro da Ferroviária colocou para escanteio.

Tanta pressão do Ituano resultou em gol. Coube ao Morato que voltou a jogar há uma semana entrando no final do jogo contra o São Caetano. Hoje ele pode jogar 34 minutos e foi recompensado. “Que felicidade! Que peso que tirei! Eu precisava de um gol. Muito tempo sem jogar, muito tempo sem comemorar um gol. Me sinto importante aqui no Ituano. Aos poucos vou ganhando ritmo e confiança. As coisas vem acontecendo para mim, particularmente. Infelizmente numa noite de derrota nossa. Mesmo com um gol meu. No final o atleta faz um balanço individual também. Dei um degrau a mais nesta minha retomada” contou Morato que correu ao lado do Martinelli e estava no momento certo quando sobrou o rebote. “O Alemão falou para mim naquele momento. ‘Essa foi com melzinho’. As vezes parece fácil. Veja o lance desde o início. A jogada começa do meu lado, e vai para o lado do Martinelli e começo a correr em direção da área. Corro 40 metros para chegar junto ao lance. Você tem que conferir a jogada de perto. Um hora ela pode sobrar para você como hoje sobrou para mim. Pude fazer essa leitura da jogada do Martinelli. Se o goleiro não pega era gol. Se pega, poderia sobrar um rebote como sobrou”. Este foi o 7o gol dele em 29 jogos pelo Ituano. Aos pouco ele vai recuperando  tempo perdido. Domingo contra o Santos, ele espera ajudar um pouco mais.

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.426

Miguel Schincariol
Fotografia

31/janeiro