O veloz João Victor


20 de outubro de 2021 | Notícias

O veloz Joáo Victor comemora gol contra o Paysandu

João Victor fez 9,7 segundos em aproximadamente 70 metros que correu no gol contra o Paysandu.

O lance que simboliza como foi eletrizante a vitória do Ituano contra o Paysandu no Novelli Júnior aconteceu aos 50 minutos do segundo tempo. O clube paraense pressionava em busca do empate quando o Bernardo tira a bola do atacante e o Léo Duarte faz um passe longo para o campo de ataque. João Victor que era o atleta mais adiantado partiu em alta velocidade e correu aproximadamente 70 metros até o gol. “Assim que vi o passe do Léo, comecei a correr e percebi que conseguiria chegar na bola. Assim que ganhei a frente do marcador, fui em direção ao gol e consegui finalizar bem” contou o jovem João Victor que também viu que o goleiro do Paysandu ficou na dúvida em sair ou ficar no gol. “Desde a primeira arrancada estaca muito concentrado. Percebi que o goleiro deu uma vacilada e aproveitei a oportunidade que tive para ajudar o Ituano nesta vitória” explicou João Victor que marcou o seu 3º gol em 15 jogos nesta Série C. Ele ainda tem uma assistência.

Segundo o preparador físico Gabriel Celante, João Victor deve ser o mais rápido do elenco. “Neste elenco também temos outros atletas muito velozes como o Kadu, Luizinho e o Marcelo Mineiro. Mas, o João deve ser mais veloz. É uma característica dele” explicou. Pela imagem, do momento do passe do Léo Duarte até a conclusão do João Victor, o lance dura exatos 9,7 segundos. “Não tenho a noção da minha velocidade. O pessoal brinca comigo nos treinos para aproveitar e acreditar na minha velocidade. Falam que sou rápido e neste lance deu para perceber que sou veloz” reconheceu João Victor que espera um jogo mais difícil ainda em Belém. “Creio que sim. Jogo importantíssimo para nós. Que pode garantir o nosso acesso e vamos com tudo para Belém”. Com 22 anos de idade, o veloz João Victor conta com os conselhos do mais experientes do grupo para não perder o foco. “Temos que ir com cautela, com paciência e objetividade. O bom é que os jogadores mais experientes como o Gerson Magrão e Tiago Marques vai passando a experiência para nós. Isto é muito importante para nós que somos jovens para ir bem nesta partida contra o Paysandu” comentou. 

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.426 SP

Miguel Schincariol
Fotografia

20/outubro