Obrigado Vinicius Bergantin!


6 de junho de 2021 | Notícias

Desde que iniciou na base a carreira de técnico, são quase 9 anos. Vinicius Bergantin deixou o Ituano.

O técnico Vinicius Bergantin não comanda mais o Ituano. Após 9 anos de trabalho desde a base no seu retorno ao clube após encerrar a carreira de atleta, sendo quase 4 anos no profissional, ele se reuniu com a diretoria e optou por encerrar seu vínculo com o clube. No próximo dia 20 de junho o técnico Vinicius Bergantin completaria 4 anos como técnico do profissional. Foi a véspera de um jogo contra o São José em Porto Alegre pela Série D 2017, que o ex-zagueiro e capitão do título de 2002 trocava sua função de auxiliar técnico do clube para de treinador principal. Ele iniciou a trajetória de técnico no próprio Ituano assumindo em agosto de 2012 o sub 17 para a disputa do Campeonato Paulista do ano seguinte. Em 2014 ele levou o sub 20 as semifinais do Campeonato Paulista. Em 2015 conquistou a melhor colocação do Ituano na Copa São Paulo chegando a fase de 8as de final. Em 2016, substituiu Tarcísio Pugliese que estava suspenso no jogo contra o São Paulo do argentino Edgard Bauza. Estreou com um empate. Até que no ano seguinte assumiu o posto do Roque Júnior para iniciar um trabalho de renovação do elenco. Coincidentemente, numa nova renovação de elenco e as vésperas de um novo jogo contra o São José em Porto Alegre.

Em quase 4 anos de trabalho no profissional, faltam quinze dias para completar o período, Vinicius Bergantin levou o Ituano a classificação do Paulista 2019 para as quartas de final e conseguiu o sonhado acesso da Série D para a Série C depois de dez anos. Conquistou resultados históricos como a goleada por 5×1 contra o Santos de Jorge Sampaioli. E sempre foi fiel a filosofia do clube ao promover e lançar garotos. Aliás, trabalho que fez com competência desde o sub 17 quando trabalhou e preparou tantos jovens que foram lançados no profissional. Foi ele que lançou o zagueiro Luiz Felipe e o talentoso Gabriel Martinelli, ambos estão na seleção olímpica. E manteve o histórico de em todos os jogos ter pelo menos um atleta da base em campo. Neste último jogo comandando o Ituano, terminou a partida com três atletas da base jogando. Além dos titulares Léo Santos e Léo Duarte, colocou na segunda etapa o zagueiro Bernardo. Mas, como tudo na vida, todo trabalho ou compromisso um dia chega ao fim. Nosso agradecimento a pessoa e ao profissional Vinicius Bergantin que seguirá sempre merecendo nosso respeito. Obrigado capitão e campeão Vinicius!

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.426 SP

Miguel Schincariol
Fotografia

6/junho