Ituano e Santo André seguem na liderança do Interior


8 de abril de 2017 | Notícias

Simião usou a cabeça para marcar o gol de empate num lance confuso pelo assistente. O gol foi legal e confirmado pela arbitragem.

Ituano e Santo André estrearam com vitória no Torneio do Interior. Numa competição curta de apenas três rodadas, a vitória neste confronto poderia significar a classificação antecipada. Por isso foi um jogo aberto com os dois times buscando a vitória. “Foi um jogo perigoso. Começamos  bem e tivemos as melhores chances. Depois abaixamos o nível de concentração e a intensidade. Começamos a deixar o Santo André jogar e eles igualaram conosco. Eles vieram para cima e tomamos um gol. Felizmente conseguimos reagir e buscar este empate que foi importante para nos manter na liderança do grupo” comentou Simião que marcou o gol de empate. Embora na liderança, o jogo não agradou. “Eu esperava um pouco mais. Começamos bem. Criamos chances, poderíamos ter feito um gol. Depois começamos errar passes e o Santo André cresceu nos erros nossos. Tentamos jogar, mas erramos bastante nessa saída de bola. No segundo tempo foi um jogo equilibrado, mas nos erros das duas equipes do que na criação dos times. Não foi o jogo que nós queríamos. Mas até pelos outros resultados, o empate foi bom. Só depende da gente para se classificar” comentou Roque Júnior. O resultado manteve Ituano e Santo André na liderança dos grupos. Mesmo que vencesse, o Ituano não garantiria a classificação antecipada porque o Red Bull goleou a Ferroviária em Campinas. O time de Araraquara será o próximo adversário do Ituano. A vitória no próximo sábado no Novelli classifica o Ituano para a final do Interior.

O Ituano começou a partida com cinco alterações. O técnico Roque Júnior tem dado oportunidades a todos atletas do elenco neste momento. Assim o goleiro Wagner começou como titular. Rodrigo Celeste e Bassani começaram jogando. Marcelinho voltou a ser titular. Lima recuperado da virose voltou para a defesa. E Lucas Crispin fez sua segunda partida desde o início. Foi assim que o Ituano começou jogando melhor. Teve uma finalização surpresa de Celeste e uma boa jogada de Marcelinho pela direita com roberto colocando para escanteio. Em outro lance, Morato fez uma ótima finalização pela direita, o goleiro Roberto espalmou e quase Crispin fez o gol. Aos 19 Bassani recebeu dentro da área, pela esquerda e pegou de primeira. A bola explodiu no travessão. Depois o jogo diminuiu de intensidade. No segundo tempo, Roque colocou Ronaldo e Walfrido. Logo no início, Roberto evita o gol de Morato. Na sequência, uma bola rebatida pela zaga do Ituano, retorna para a área e pega Claudinho livre para fazer de cabeça. O Ituano empatou aos 27 numa jogada confusa. “Foi uma falta lateral e o Morato cobrou. Como estávamos contra o vento, a bola perdeu velocidade e caiu entre a zaga e o goleiro. Houve uma indecisão entre eles e consegui me antecipar e marcar de cabeça. O bandeira ficou indeciso achando que eu tinha tocado a mão. A confusão foi por isso. O árbitro relatou para ele que fiz de cabeça e perguntou se houve impedimento. O bandeira disse que não e o gol foi validado. Gol legal” explicou o artilheiro Simião que marcou seu 4º gol no Paulista. “Só depende da gente para nos classificarmos. Sabemos dos outros resultados. A responsabilidade é nossa. Dentro de casa temos que fazer nossa parte e conquistar esta vaga para a final” afirmou Simião. Sabendo dos últimos jogos decisivos dos últimos anos, Roque Júnior faz o alerta. “Não penso no histórico negativo. Temos que ter atitude. Isso é fundamental. Ainda mais num jogo que é uma decisão e vale vaga para a final”.

ITUANO – Wagner; Arnaldo, Naylhor, Lima e Peri; Rodrigo Celeste, Simião e Bassani (Walfrido no intervalo); Marcelinho (Ronaldo no intervalo), Morato e Lucas Crispin (Claudinho aos 77). DT: Roque Júnior

Árbitro: José Claudio Rocha
Público: 852  –  R$ 20.310,00\

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.426 SP

Miguel Schincariol
Fotografia

8/abril