Planejamento para a Série C já começou


19 de maio de 2021 | Notícias

Time reunido no gramado do Novelli Júnior

Depois da frustação no Paulista, mudanças vão ocorrer no elenco para o Brasileiro

O Ituano neste ano teve uma colocação melhor que no ano passado. Em 2020 foi 13º colocado e teve 3 vitórias na 1ª Fase. Neste ano terminou em 11º e somou 4 vitórias. Mas pelo planejamento deste ano, pelo investimento nos 12 reforços e a expectativa criada em todos antes de começar a competição, ninguém ficou satisfeito com esta 20ª participação seguida do Ituano na Série A1. “Foi frustrante. Quando iniciamos o planejamento para a competição, montamos um time competitivo na nossa avaliação, e acredito também que na avaliação dos torcedores. Começamos muito bem o campeonato nas quatro primeiras rodadas e infelizmente veio a parada por causa da pandemia. No retorno o time demorou a se encontrar. Depois melhoramos, e conseguimos faltando três rodadas estar fora do perigo do rebaixamento. Que obviamente o nosso objetivo era outro. Era brigar por uma classificação à próxima fase. Infelizmente isso não foi possível. A nossa expectativa era muito grande e quando ela não se confirma, a frustação é na mesma proporção. Ela é grande por parte da diretoria, comissão técnica e também por parte dos atletas” comentou o executivo Beto Souza. Na campanha deste ano, o técnico Vinicius Bergantin colocou em campo 24 atletas do elenco. Todos os reforços foram utilizados.

Vinicius Bergantin também manteve a filosofia do clube e lançou contra a Ferroviária o atacante Felipe Fonseca de 17 anos. Outro jovem de 17 anos, o meio-campo Aluísio ficou no banco contra a Ponte Preta. Ambos deverão ter oportunidades no Brasileiro Série C que já começa na próxima semana. No grupo o Ituano vai enfrentar clubes acostumados a disputarem a Série B como Paraná, Figueirense e Criciúma, além dos times gaúchos São José e Ypiranga que já enfrentou no ano passado. “Além disso, vamos ter na Série C um mini Paulistão com outros 4 times paulistas. Enfrentamos o Novorizontino agora que é um time extremamente qualificado. A competição vai ser deste nível para cima. Com times acostumados a Série B, com clubes que disputam a Série A1 do Paulista, além do Oeste que está fazendo uma boa Série A2. Já iniciamos a nossa reformulação para a Série C. Alguns atletas que terminam seus contratos devem sair. Outros devem permanecer. Estamos em busca de reforços para a Série C” comentou Beto Souza que explica a montagem do elenco para a competição. “Estas mudanças sempre acontecem no final dos ciclos. Com o final do Paulista e do Troféu do Interior a gente já começa a planejar a próxima competição. Alguns com o final de contrato devem sair. Outros devem ter seus contratos renovados. E estamos avaliando as opções que temos no mercado e vamos em busca de reforços para o Campeonato Brasileiro”. A estreia do Ituano será no outro sábado, dia 29, contra o Criciúma em Santa Catarina.

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.426 SP

Miguel Schincariol
Fotografia

19/maio