Tarcísio Pugliese completa dois anos no comando do Ituano


21 de julho de 2016 | Notícias

Tarcísio já é o técnico mais longevo da história do Ituano. Ele entra para um seleto grupo de treinadores do clube

Há exatos dois anos Tarcísio Pugliese era apresentado como técnico do Ituano. Jovem, estudioso e determinado, Tarcísio chegava a Itu com o aval de boas campanhas realizadas, principalmente no Mato Grosso. “O trabalho no Luverdense mudou minha carreira. Dei um passo significativo para frente. Conquistei um título Estadual e o acesso no Brasileiro. Foi um trabalho que me marcou muito. Agora tenho um carinho grande ao Ituano onde já estou há dois anos. Com todo o respeito que tenho ao Luverdense, que hoje está na Série B, o trabalho em São Paulo é muito diferente. No Ituano disputei meu primeiro Campeonato Paulista. Foi o Ituano que me deu esta condição e estrutura” analisa Tarcísio que assumiu o clube após a estreia na Série D de 2014. Doriva e o time titular do título Paulista já haviam deixado o clube. O Ituano naquele Brasileiro chegou as 8as e só foi eliminado nos pênaltis em São Luís contra o Moto Club. Com o contrato renovado, Tarcísio disputou a Série A1. “O Doriva fez um trabalho maravilhoso em 2014 e conquistou o titulo que é extremamente difícil para um clube do interior. Por isso eu sabia que o Paulista de 2015 seria muito difícil. Inclusive recebi ligações de alguns colegas quando acertei a renovação do meu contrato me questionando. ‘Tarcísio, você tem certeza. A responsabilidade é grande após um título. Já é difícil nos grandes, imagina num clube do interior’. Realmente foi um campeonato difícil e superamos algumas dificuldades e conseguimos fazer uma boa campanha. Sou muito grato ao Ituano e a diretoria por esta confiança e por ter me dado esta oportunidade” agradece Tarcísio que vai completar 36 anos no dia 8 de agosto.

Superada esta primeira barreira, Tarcísio Pugliese levou o Ituano a sua melhor participação em Copa do Brasil. O time só foi eliminado nas 8as de final contra o Internacional de Porto Alegre. Na Copa Paulista do ano passado levou o Ituano a uma decisão após 12 anos. Foi vice, mas ganhou a vaga para disputar novamente a Série D deste ano e o contrato foi renovado. Com dois anos de comando, Tarcísio se torna o técnico mais longevo da história do Ituano. Entra para uma seleta galeria de treinadores. O professor José Teixeira que trabalhou em 69 jogos nas duas temporadas entre 1989 e 1990, e conquistou o acesso para a 1ª divisão. Ruy Scarpino que em três passagens é recordista com 120 jogos e o título da Série C em 2003 e Doriva que conquistou o Paulista de 2014 e trabalhou em 75 jogos. “Fico contente em ser citado desta forma. São treinadores que fizeram história no Ituano. O Doriva com um título fantástico, o Ruy que passou tantas vezes no clube e com ótimas campanhas aqui. E o professor Teixeira que conquistou o acesso para a 1ª divisão e também fez um trabalho longo no Ituano. Ser relacionados com eles, colocando na mesma citação me deixa muito feliz”. Tarcísio já tem 73 jogos e 34 vitórias nestes dois anos.

Tarcísio Pugliese reconhece que sua carreira está marcada pelo trabalho em Itu. “O Ituano marca para mim esta condição de disputar meu primeiro Paulista. Conviver com profissionais de um nível mais elevado. São profissionais que lidam com a nata do futebol brasileiro e até mundial caso do Juninho, seu Chimello e Anselmo Sbragia que transitam numa outra esfera e trás para mim um aprendizado muito grande. A organização do Ituano chama a atenção e ajuda bastante no resultado dentro de campo. Quando você tem num clube onde todas as engrenagens funcionam, isto facilita o trabalho do treinador”. Para coroar este trabalho o objetivo dele é o mesmo de todo o elenco, diretoria e torcedores. “Quero brigar por este título da Série D. A partir de agora é mata mata e sabemos que não permite erros. Vamos passo a passo. Primeiro pensar nestes dois jogos com o Linense. Mas é óbvio que queremos muito este acesso e o título. Vamos trabalhar muito por este objetivo”. Domingo em Lins, o Ituano enfrenta o Linense pela partida de ida da 2ª fase da Série D. Depois destes dois jogos, serão mais duas fases de play off até o acesso para a Série C.

 

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.426 SP

21/julho