Vinicius Bergantin volta a origem


6 de novembro de 2020 | Notícias

Vinicius Bergantin e comissão técnica no Passo D´Areia

Foi no Passo D´Areia contra o São José que Vinicius Bergantin iniciou seu trabalho há mais de três anos.

O Ituano volta ao estádio Passo D´Areia em Porto Alegre após mais de três anos. Foi neste local que o Galo de Itu decidiu sua classificação na 1ª Fase da Série D em 2017. O técnico Vinicius Bergantin que era auxiliar fixo do clube após trabalhar no sub 17 e sub 20, iniciava sua trajetória no profissional. Ele não esquece o jogo que aconteceu num domingo à noite onde perdeu pelo placar mínimo. “Foi uma partida dura, num momento difícil nosso na competição. Era a última rodada. Nós precisávamos de uma vitória. Assumi o time naquela semana e até fizemos um jogo equilibrado, de igual para igual. No final sofremos um contra-ataque após escanteio e sofremos o gol. Lembro que após o jogo foi dada a confiança pelo gestor da época, o Juninho. E depois de alguns dias me confirmou que eu seria o treinador da temporada 2018. Começamos ali o planejamento para o Campeonato Paulista. Depois veio a Copa Paulista para consolidar o nosso trabalho e lançar vários jovens como foi com o Martinelli e o Gui Mendes. Depois veio o ano de 2019 que foi praticamente perfeito para nós. E agora o terceiro ano difícil e confuso por causa da pandemia. Mas de muito aprendizado que está sendo para mim e para toda a comissão técnica”. Antes desta partida, Vinicius Bergantin havia dirigido o profissional em alguns jogos da Copa Paulista 2016 e num empate contra o São Paulo pelo Paulista do mesmo ano por causa de uma suspensão do técnico Tarcísio Pugliese.

Desde que assumiu o time, Vinicius Bergantin trabalhou em três Paulistas, conseguindo a classificação para as quartas no ano passado, uma Copa Paulista e na Série D do ano passado quando conseguiu o acesso. Ele comemora a oportunidade de ter uma sequência. “Isso é muito importante. É um sonho de todo treinador brasileiro. Ter uma sequência e respaldo da diretoria. Estou muito feliz em ter estes números numa equipe como o Ituano que é um clube sério e organizado. Isto ajuda no amadurecimento do profissional. Eu usei vários sistemas de jogo a cada competição. Sempre aproveitando o melhor de cada atleta e do elenco. Importante para mim também nunca ter tido um problema de vestiário. Isso ajuda na sequência longa de um treinador no clube. Sempre com harmonia, com respeito dos atletas, da diretoria e da torcida. Ver quanto o nosso staff é dedicado e trabalha em benefício do próprio Ituano. Muito bom ver todos os funcionários e que fazem parte do clube abraçam o objetivo do Ituano. Isso faz o Ituano grande e maior. Eu sou uma peça desta engrenagem e estou crescendo junto com o clube” comentou Vinicius Bergantin que se aproxima do centésimo jogo como técnico no profissional. Ele tem 96 até aqui,

A história do técnico Vinicius e do próprio Ituano estão sendo valorizadas. Neste sábado, será escrito mais um capítulo. Ocupando a 5ª posição com 17 pontos, Vinicius e o time sabem que precisam da vitória para voltarem ao G4. O Tombense, 4º colocado, tem 19 pontos. E o São José vem logo atrás com 16 pontos. Assim, os dois clubes precisam da vitória para seguirem na briga pela classificação. “Será mais um jogo difícil. As duas equipes vêm de uma vitória. O São José vem de uma vitória importante fora de casa. O gramado sintético é sempre assunto. Mas nesta reta final precisamos pontuar e ganhar jogos fora. Vamos com este intuito, mesmo respeitando o São José. Temos nossas ambições e temos que lutar por elas” afirmou Vinicius Bergantin. A diferença de 2017 que esta não é a última rodada. Após este jogo, ainda faltarão mais 4 rodadas para o término desta fase. O jogo São José e Ituano será ás 15 horas e terá transmissão do MyCujoo.

Acaz Fellegger
Jornalista Mtb 19.426 SP

6/novembro